IMPOSTO DE RENDA: PRORROGADO O PRAZO PARA ENTREGA DA DECLARAÇÃO PARA 31 DE MAIO

A Receita Federal prorrogou o prazo da entrega da declaração do imposto de renda para o dia 31 de maio. Até então, a data-limite para a entrega era 30 de abril. O anúncio foi publicado no Diário Oficial da União na última terça-feira (5) e postado no Twitter da Receita.

Em 2022, estão obrigados a declarar os contribuintes que tiveram rendimentos tributáveis acima de R$ 2.379,97 mensais, em média, em 2021. Isso dá uma renda anual superior a R$ 28.559,70.

Esse não é, porém, o único requisito para tornar um cidadão obrigado a prestar contas com o Fisco. Quem teve rendimentos isentos, não tributáveis ou tributados exclusivamente na fonte acima de R$ 40 mil também precisa enviar a declaração. Saque do FGTS (Fundo de Garantia do Tempo de Serviço) e seguro-desemprego são exemplos desses pagamentos.

O prazo para a entrega da declaração de Imposto de Renda neste ano termina às 23h59 do dia 29 de abril. O início dos envios começou com atraso em 2022. Em anos anteriores, a Receita começava a receber as declarações em 1º de março, mas o prazo precisou ser adiado. Segundo o órgão, a mobilização de servidores, que desde 2021 brigam por reajustes, teve efeito sobre o cronograma do IR. Além disso, o site da Receita apresentou instabilidade no primeiro dia do prazo, e contribuintes enfrentaram lentidão para fazer o download do programa do Imposto de Renda de 2022.

Fonte: Jornal O Tempo